segunda-feira, 8 de junho de 2009

Mea culpa

Por não ter seguido a irracional vontade de ti;
Por ter abafado a cumplicidade de teus olhos;
Pela fraqueza de querer-te feliz, sabendo-te os desejos;
Rogo compassos aos encontros,
Rogo vendas aos outros,
Rogo crer que ela vive,
que nada ruirá.

Alimento-me com nossas fraquezas.

Amém.

17 comentários:

Carlos Howes disse...

Deveras forma criativa de expressão. Que forma melhor para se fazer um suplício do que uma oração?

Bjo.

Leo Mandoki, Jr. disse...

alimentar com fraquezas acaba nos fortalecendo...

Inês disse...

Adoro seus poemas, e adoro seu blog!

Vinicius Giglioli disse...

Não se alimente com fraquezas e nem com conquistas.

Uma deixa cada vez mais fraco, outra cada vez mais cego.


Alimente-se com o que tiver a mesa.


Humildade sempre.



Bjosss

Flavitcho disse...

Amém. :D

Alam Oliveira disse...

gracia plena, dominus... Ora pro nobis pecatores...

Minha culpa de viver, minha culpa de sofrer, a depressão toda é por causa da data fátiga que se aproxima na unidade da existência sem um companheiro para toda sempre!
Não é culpa mea nem "sea", a culpa é de quem?

Alam Oliveira disse...

onde toda é todo!

tossan disse...

Uma nova oração poetica de mea culpa?! Então Amém, Bjs

Fernanda Fernandes Fontes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

É com as fraquezas que nos tornam fortes, mais humanos.Belo poema não é lírico é verdadeiro!
Apareça por lá, tenho novidades.
beijosssssssssssss

Hermano Cardoso disse...

nada melhor que se fortalecer na situação conjugal...

ricardo gessner disse...

alimentar das fraquesas foi muito bom!
dá pra pensar muita coisa....
:)
bjos

A.S. disse...

Fernanda...

Não há racionalidade no amor!
Simplesmente seguimos o impulso.
E no amor... raramente acontece uma segunda oportunidade!


Ternos beijos!

Gleidson Tadeu disse...

É lamentações, mistura com suplicas... que fazem com que todos tenham uma certa clemencia...

Saara Senna disse...

Olá Fernanda!

Muito interessante sua forma de escrever, seu estilo faz toda a diferença, parabéns!!!

Beijos e ótimo final de semana :)

Filipe M. Vasconcelos disse...

Meu bem.. perdoe a ignorância... o que o título significa..? Não compreendi a palavra "Mea"...

Com relação ao poema... eu me encantei Nanda... Alimentar-se com fraquezas.. é quase como matar a sede com um copo de veneno... Uma contradição interessante.. tanto quando complexa... Parabéns!!!!

Reflexo d Alma disse...

Bem chego e ja amo, comcordo e digo Amem!!
Bjins entre sonhos e delírios

 
Creative Commons License
Degustação Literária by Fernanda Fernandes Fontes is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.