quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Emulação

Rosas vermelhas já foram belas.

Percebi meu envolvimento quando a vi ao lado dele. Bobos os dizeres que ouvi, cena estúpida e dramática presenciei. Foi quando os raios da negra lua meus olhos cegaram. À direção deles segui.

Grito contido. Um estrondo aqui.

E os carros em minha direção. A todos encarava, passo contrário ao caminho dos faróis. Ando a desconfigurar alma inebriada; pensamentos múltiplos são como catarata aos olhos calejados.

De roupas rasgadas, fiz vida em retalhos.


Rajadas perceptivas modelam meus atos. Meu mundo crio eu. Meu vale, meu abismo; covas lavradas por um passado que se retrata aqui presente. Por outras mãos, outras pás. E as luzes dos carros meus olhos clareiam.

Estrondo.
Socorro.
Piedade.

Bons os momentos ao lado teu. Tua boca, teus dizeres.
Quando de noite chuvosa, desperta-me o calor que o vento frio retira.
Eterno teu amor, meu viver.
Sem horas marcadas.
Apenas você e eu.
Agora, para sempre.

22 comentários:

Anônimo disse...

Que talento, Fernandinha! Que bom ter conhecido vc! Consegue nos trnasportar para dentro dos teus poemas, viver as situações, sentir!

Poucos conseguem isso! Virei fã!

Beijão!

Natália Moreno disse...

Ei Fernandinha, é a naty da sua sala.

Adorei seu blog, realmente vc tem muito talento e deveria escrever o livro que vc tanto sonha.

Te dou toda a força pq talentos como vc são raros hoje em dia.

Bj e ate a noite

Sintia Lira disse...

Bom? Não! Eu diria, muito bom!!

Vai por esse caminho das letras que você vai muito longe!!

Abraço!!

http://nomardoamor.blogspot.com/

João Rafael disse...

Para que o tempo? Para, que o tempo...Para o tempo? Pare o tempo! ahh...então sinta-se o tempo. Você é o tempo.
Beijos

Anônimo disse...

Gostei de ver!!
Escreve super bem,e com muita emoção, vou voltar aqui sempre pra passar um tempo lendo coisa boa!

Bjos
Aline Brandão

Alice Star disse...

Sem Palavras! Adorei! ^^
Realmente tens talento!
Sinto até vergonha de colocar o link do meu blog depois de tal poema. rsrs
mas de qualquer maneira, o link de uma camarada "escritora"

http://www.alicestarmonde.blogspot.com/

Beijos,
Alice

Karla Hack disse...

O envolvimento em sua mais bela forma...
Quando passo por aqui.. sempre tenho uma surpresa agradávfel.. este seu jeito de escrever, poetar, encantar!!
Puro talento!

;D

bjus

Rafael Costa disse...

Sem palavras...
Que belas sobreposições de imagens.
vou apreciar de pouquinho em puquinho.

Adoro comer!

beijos

rafa

Alam Oliveira disse...

"Agora, para sempre"
Amém

meio triste, mas muito bom. Gostei do navas cores da nova imagem, muito bom, aquela fase rebelde já passou... rsrs

Sucesso Fê!

No meio do Assunto. disse...

Seus poemas são lindo..
Metáfora ótimas..
Que bom vc ter passado no meu blog,
sinto até vergonha do meu..
E que ótimo você concordar comigo sobre o Hugh. Sempre vou passar auqi pra me inspirar e escrever alguma coisa realmente bonita, que nem os seus posts..
Muito sucesso.

danisiinha disse...

fernanda....
me emocionei..... minha querida....
e digo sim que vc é um talento, tanta gente entra em meu blog elogia , diz pra eu escrever um livro e chego aqui me sinto um grão de areia na tua frente ....parabens ... mesmo...bjsssssssss

Ocappuccino disse...

Oi Fernanda.

Viu só quantas semelhanças? isso será pura Coincidência? hahahahaha

1. Imagem do café igual
2. Cores utilizadas semelhantes
3. Todos d'Ocappuccino também são estudantes de Relações Públicas

Parabéns pelos teus textos, li alguns e gostei muito, vou acompanhar o blog e vou linkar o endereço n'Ocappuccino.

Obrigado pela visita e continue sempre, será sempre bem vinda.

Cordialmente,
Mateus d'Ocappuccino

Ah: estamos preparando um novo layout para o blog, para que a imagem faça relação a um cappuccino de verdade.

Hilário Pereira disse...

Não sei porque, mas me perdi nessas palavras.

Lentamente, reli, novamente me perdi; porém entendi.

Bah disse...

Nossa adorei! Aja talento p/ escreve isso...

Carolinna disse...

Queee lindo, parabéns continue a postar lindo textos assim, que virei mais vezes aqui, ^^

Beijos. ADOREI ! ^^

By melrym disse...

nossa, vc ta de parabens escreve mto bem..adorei seu blog
depois da uma passadinha no meu: http://melrym.blogspot.com/

ana lucia nicolau disse...

como sempre...um texto ótimo que nos faz refletir muito

beto melodia disse...

oi, fernanda:

excelente página...
com meu sonho realizado, volto ao ar...

beijos em seu coração e um ótimo final de semana...

Taty "Pimentel Medeiros" disse...

Oi Fernanda, vi seu comentário no meu blog. Obrigada pelo carinho. Adorei suas poesias... inspiradoras. Parabéns! Muito sucesso e sorte! Bjos. Taty

MARTHA THORMAN VON MADERS disse...

Maravilhoso!
Você escreve e mistura as palavras com maestria. beijos, adorei!

Filipe M. Vasconcelos disse...

Grito contido é grito reprimido..
Quem dera não fosse preciso gritar...
Quem dera uma voz baixa e calma fosse suficiente..
Quem dera as rosas não deixassem de ser belas....
Bonitas palavras senhorita..
Beijos no coração!

Flavitcho disse...

Ain... Pra sempre. :x

Realmente... é pra sempre mesmo. :x

 
Creative Commons License
Degustação Literária by Fernanda Fernandes Fontes is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.